Parece simples ter plantas dentro de casa, correto? No entanto, a tarefa pode ser bem mais complexa do que aquilo que parece quando decidimos decorar os nossos lares com plantas naturais, já que estes seres vivos podem ser especialmente sensíveis e exigentes em termos de condições e tratamentos. Mas temos uma boa notícia: apesar desta complexidade, é possível ter plantas bonitas e saudáveis dentro de casa e sem que tenhamos de dedicar muito tempo a esta tarefa. Basta, para isso, que siga estas seis sugestões:

  • Escolha as plantas ‘certas’. E por ‘certas’ vamos entender aquelas que são mais resistentes a ambientes fechados. Exemplos disso são os lírios da paz, as aloé vera, as orquídeas, os catos, as suculentas e as begónias. Se não tem muito tempo para dedicar ao tratamento de plantas, estas podem ser as suas melhores parceiras já que exigem poucos cuidados e resistem na maioria dos ambientes;
  • Regue adequadamente as plantas. O que significa que as deve regar de acordo com as necessidades de cada espécie – há plantas que precisam de ser regadas diariamente, enquanto outras apenas necessitam que o faça uma vez por semana. O melhor é utilizar o truque do ‘pratinho’ debaixo do vaso que permite perceber quando é que a água já foi totalmente absorvida e evaporou, dando assim uma indicação da altura certa para se fazer a rega;
  • Escolha bem com o tamanho do vaso. É essencial perceber a proporção de crescimento da planta escolhida, de modo a que a plante num vaso que lhe permita alcançar livremente todo o crescimento estimado;
  • Tenha atenção ao local onde a vai colocar. Há plantas que necessitam de receber sol e ar direto, pelo que convém que sejam colocadas junto a uma janela, enquanto outras precisam de maior isolamento e sombra. Uma má localização da planta pode comprometer a sua saúde e longevidade, pelo que até a divisão onde a vai colocar deve ser equacionada de acordo com as necessidades da espécie escolhida;
  • Use adubo orgânico. Hoje em dia já existe muita oferta a este nível, mas é sabido que o adubo orgânico ajuda a que as plantas cresçam fortes e saudáveis. Pode, então, apostar no método de compostagem, adubando a terra com cascas de frutas, coadores de café e até saquinhos de chá;
  • Verifique frequentemente a saúde da planta. Convém que todos os meses analise a sua planta, percebendo a eventual presença de algum sinal de pragas ou doenças – que normalmente são logo visíveis nas folhas. Confirmando-se a saúde da planta, limpe todos os meses as folhas com um pano seco e limpo. Caso detete algum problema pode recorrer a produtos específicos para o efeito – mas convém saber que existem algumas ‘mezinhas tradicionais’ para cada tipo de problema. Sabia que, por exemplo, uma mistura de uma cebola triturada e misturada com dois litros de água é um ótimo remédio para o combate de pragas?

Garantidos estes cuidados, terá tudo para adotar uma planta e lhe garantir a máxima saúde, resistência e vitalidade.

Voltar